sexta-feira, 27 de julho de 2012

Sem açúcar, com afeto ou porque não dar açúcar ao bebê!

Sempre me perguntam, por quê não dar açúcar ao bebê?
Ou então: posso dar açúcar orgânico, mascavo, produto adoçante?



O seguinte: a resposta inicial, todo mundo já sabe. Açúcar branco é caloria vazia, logo, não faz bem pra ninguém, dieteticamente falando.
Essa caloria vazia pode ser traduzida em excesso de peso lá na frente - uma das doenças de mais difícil tratamento: a obesidade.

Mas tem um motivo mais profundo aí. Que eu vou explicar agora.

A necessidade de comer açúcar (alimentos doces) é do adulto. O bebê está provando tudo. Ele não sabe, por exemplo, que o suco de maracujá tem que ser adoçado. Sério. Ele vai aprender o que você mostrar a ele.
Ele não sabe que a banana pode ficar melhor com açúcar. Ou não.
A necessidade é nossa, não do bebê.

Só que, por natureza, o bebê já vem gostando de doce de fábrica. Ofereça açúcar, iogurte adoçado, chocolate, pirulito e geralmente você verá um bebê que vai comer e se lambuzar. A lactose do leite materno é levemente adocicada.

Por isso, não é um dos paladares que nós, mães, devemos ensinar ao nosso filho. Esse ele já gosta. Lição aprendida. Agora, devemos introduzir o azedo, amargo, salgado, ácido, etc

Quando mais oferecermos os alimentos adoçados artificialmente,  mais o bebê vai querer só alimentos adoçados. Fica mais difícil introduzir os outros sabores. E quem tem filho maior sabe... quando chegar em 1 ano, 1 ano e meio ou 2.... o apetite voraz dos nossos pequeninos naturalmente diminuí. Por isso, mais de 50% das mães confirmam que tem dificuldades alimentares em casa. Ou o filho "não come" ou o filho é seletivo. Gosta de 4, 5 8, 10 tipos de alimentos e só.

E é desse seletivo que eu vou falar. Se você der, antes do tempo, alimentos ricos em açúcar, pode ser que 4 entre estes 8 alimentos que ele vai comer, tem açúcar.

Vivemos para educar nossos filhos. E educação alimentar (eu não canso de repetir) também é educação! Educar o paladar do seu filho é um papel seu também. Ele vai comer o que aprender comer.

Par terminar, gostaria de relembrar é que normal e esperado querer dar doce ao bebê. Ou outras pessoas quererem. Gente, acredite, quem quer dar açúcar ao bebê o ama de verdade! Nada de culpa!
É porque, como dizia a música do Chico Buarque, o açúcar pode ser um método, como posso dizer, de sedução. De carinho, de amor. Queremos agradar quem amamos, e geralment, adoramos doces. O bebê também vai adorar. Por que não dar esse carinho a ele?

É difícil, mas o motivo é nobre. Não, seu filho não irá morrer se comer açúcar. Ele pode comer um dia, e no outro dia estar bem (ou não). Mas isso, com certeza, irá dificultar a educação alimentar dele. Além de ser calorias vazias. Além de mascaram o sabor original do alimento. Além de dar cárie. Além de predispor o bebê a doenças sérias como obesidade e todas as suas complicações.


Os motivos são muitos. E tudo tem seu tempo, né? Logo mais ele vai comer o doce tão esperado. Mas quando o comer, já irá gostar de muitos outros alimentos. E aí, poderá comer um pedaço apenas e dizer: "hum, que delícia, muito obrigado, estou satisfeito!"

(válido para todos alimentos com açúcar em sua composição!)





73 comentários:

  1. Sua llindaaaa... amo seus post como sempre... compartilhando...

    beijossss

    ResponderExcluir
  2. Adorei Kah!
    Eu te falei q reabri meu blog? Semana que vem vou indicar esse post lá.

    É exatamente dessa forma que eu penso! Falou tudo!
    Não sou radical, mas acho q por enquanto não tem necessidade de dar doces, vai chegar a hora certa.

    :)

    Bjooos
    odiariodamamae.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que delícia ver você por aqui novamente!
      Seja bem-vinda novamente ao mundo blogueiro das mães!
      Beijos Pam!!!

      Excluir
  3. Gostei do argumento! Espero que convença outras pessoas também.

    ResponderExcluir
  4. ótimo post! compartilhado!

    beijos

    ResponderExcluir
  5. Adorei!!! Nem tô tentando engravidar ainda, mas já discuti com meu marido, que acha besteira restringir os doces para bebês. Guardarei seu post pra usar na hora certa. Rs Abç.

    ResponderExcluir
  6. Adorei e compartilhei parabéns pelo blog :)

    ResponderExcluir
  7. Até quantos anos devemos evitar?
    O mais difícil são os outros (avós, tias e tios).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol!!
      O que eu digo é: até 1 ano, nunca. Do primeiro ao segundo ano, evite, dê com parcimônia.
      Beijos!

      Excluir
    2. Epa! Espere aí, nem todas as avós são assim! Carinho e amor sempre devem ser demonstrados através do gesto e das palavras e não através dos doces e outras guloseimas, e a boa alimentação e dizer não algumas vezes faz parte de participar , realmente da educação do neto.
      Com frutas, comidas saudáveis e gostosas também podemos fazer nossos netos e a família bem saudáveis com alegria!
      Assinado: Solange , vovó do pequeno Cesar.
      solangeaabenevides@gmail.com

      Excluir
    3. Gostei, ensina isso para minha sogra tbm. Rsrsr

      Excluir
  8. Ana Paula Ferreira30 de julho de 2012 10:42

    Olá Karine! Me chamo Ana Paula, também sou mãe e nutricionista. Descobri teu blog hoje, através deste post e simplesmente não consegui parar de ler, devorei quase tudo. Tu escreves de uma maneira ótima, clara, fácil para o leitor, aborda assuntos realmente pertinentes, acredito que consegues ajudar muita gente mesmo. Parabéns pelo teu trabalho! Graçcas a Deus não tenho problemas com a alimentação do Pedro Henrique (1 ano e nove meses, ele come de tudo, adora frutas,um amor. Mas pra que isso aconteça não é simples, é um conjunto de ações,uma engrenagem mesmo,que começa com os exemplos que damos em casa. Amamentei excluisivo até os 6 meses, e açúcar ele conhece muito pouco, não sou radical, mas concordo que tudo tem a hora certa. E o que também é muito difícil (como a Carol comentou)são os "pitacos dos outros", por incrível que pareça ainda tem gente que não acredita que o leite materno é totlamente suficiente até os 6 meses do bebê e sempre vem aqueles cometários "esse bebê tá com fome, esse bebê tá com sede" e por aí vai, pode não parecer mas pra uma mãe de primeira viagem, esse tipo de cometário pode abalar nossas convicções se não estivermos bem certas delas. Enfim já escrevi demais, desculpe, me empolguei. Mais uma vez parabéns, felicidades. Bjão!

    ResponderExcluir
  9. Obrigada pela visita querida, volte sempre, e escreva à vontade! Muito bom ver gente que pensa como a gente!

    ResponderExcluir
  10. Olá Karine,
    Tambem sou nutricionista, trabalho numa creche e estou iniciando com nosso blog. Conheci o seu, achei muito lindo e estou citando-o, como um dos blogs interessantes, sobre alimentação infantil.
    Prabéns!!
    http://nutricaocrecheufba.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá Karine,
    Amo o seu blog e estou sempre acompanhando. Adoro ler tudo que vc escreve. Tenho uma duvida...Minha bebe tem 11 meses e não toma LV, só LM 2 vezes por dia. Porém, meu leite está secando(tem dia que nao tem), estou estimulando inclusive com bombinha manual. Continuarei amamentando, mas como devo introduzir o leite de vaca, apos 1 ano de idade. Qual a quantidade ideal e a frequencia? Agradeço, pois fico preocupada se ela está recebendo a quantidade de calcio suficiente.
    Parabens e muito obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rosimere, é recomendado que sua pequena tome 3 porções de leite e/ou derivados diariamente, café da manhã, leite da tarde e leite antes de dormir, de preferência no copo. Dê uma olhada nesse texto (http://nutricionistainfantil.blogspot.com.br/2012/03/e-o-calcio-que-meu-filho-precisa.html), em que indico outras fontes de Cálcio e como garantir todo o Cálcio que sua pequena precisa!
      Beijos e obrigada pela visita!

      Excluir
  12. Meu filho completa 2 anos mês que vem e como tudo de tudo (saudavel, apenas) pouquissimas coisas industrializadas entram na dieta dele, na verdade só consigo lembrar de um iogurte natural super gostoso (leia-se bem azedo hehe) feito aqui na cidade. Eu nunca dou doce para ele, e pretendo não dar até os 5 anos dele, acredito que não vou colocá-lo em escola antes disso e não vejo necessidade alguma de comer essas coisas, tanto doces como todos industrializados. :) bjs, amei o post. Compartilhei no FB tbm.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tchella,
      Obrigada pelo carinho! Tenha certeza que você vai ajudar a definir um paladar mais rico para seu filhinho, para o resto da vida dele!Isso não tem preço!
      Beijos

      Excluir
  13. Muito legal teu texto! Acho que é por isso que hoje eu não sou tão fã de doce, pois quando era pequena, até uns 3 anos minha mãe fazia tudo natural, do suco as saladas.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alessandra!
      Você é a prova viva do que escrevi!
      Beijos e obrigada pela visita!!!

      Excluir
  14. Oi, Karine, tudo bem? Acabo de conhecer seu blog, grande ajuda pras mamães...
    Então vou aproveitar pra perguntar: pelo seu argumento, então deveríamos adiar o máximo possível também os alimentos naturalmente doces? Pois são muitas frutas maduras e até legumes que têm a predominância desse sabor...
    Obrigada!
    Carol

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol!

      Antes de te responder, vou te devolver a problemática: não devemos comer alimentos com muito sal, certo? Sal demais não faz bem pra ninguém. Se seguirmos sua linha de pensamento, não poderíamos iniciar co os alimentos naturalmente salgados....
      As frutas tem sabores, aromas e texturas muito peculiares, e algumas são bem doces. Mas tem sabor de fruta- e não de açúcar. Pensando mais além: é mais fácil querer se acabar de comer bolo, do que se acabar de comer laranja lima, certo?
      O açúcar mascara o sabor dos alimentos - inclusive das frutas, naturalmente doces. E é esse o problema.
      O sabor doce é natural, inclusive é o sabor do leite materno. O sabor acentuado do açúcar não é natural, é adicionado! E é contra esse "vício" que trabalhamos na primeira infância!
      Beijos

      Excluir
  15. Menina, estou amando esse blog!!!!!

    Eu não dou doces à minha filha de 1 ano e 7 meses - e não deixo que dêem, mas é óbvio que os avós querem dar bolacha, chocolate, pirulito... eu não deixo e eles não dão, mas não sei por quanto tempo mais eu vou conseguir evitar... torçamos!!!

    Uma dúvida: e o mel, pode? Eu dou mel à Laura, especialmente para expectorar pq tem uma lenda (mito? lenda? verdade?) que é bom para tosse e catarro em geral... dou uma colher ao dia, seja de manhã ou à noite e não é sempre, só nas épocas em que ela está bem congestionada... faz mal??

    Estou adorando isso aqui...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Perfeito, Karine! Obrigada! É o que eu pensava... Alimentos frescos e de qualidade não poderiam fazer mal, não é? O problema são os açúcares super refinados, os xaropes de frutose e glutamatos monossódicos que estão por toda parte... Obrigada e parabéns pelo blog. Abraço!
    Carol

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo querida, geralmente o problema não é o que vem da natureza rsrs
      Beijos e obrigada!

      Excluir
  17. Oi Dani!
    Obrigada pelo carinho, querida!
    O mel tem uma substância chamada inibina, que é um antibiótico natural, e aumenta a imunidade. Tem a ação expectorante sim!
    Beijos e obrigada pela visita!

    ResponderExcluir
  18. Oi Karine, seu Blog é muito bom.
    Mais uma vez copiei post seu, desta vez este dos açúcares.
    Claro que coloquei a fonte.
    Se quiser copiar matérias do meu Blog, fique a vontade.
    http://www.nutricionistajoelma.blogspot.com.br/
    Abraços, fique com Deus
    Joelma Pasqualli Paganini
    Nutricionista

    ResponderExcluir
  19. oi Karine, adorei o texto e compartilhei com os devidos créditos no meu blog. Se tiver algum problema, me avise e apagarei na mesma hora! =D
    PS: aproveitei para dar boas espiadas no seu blog!

    um beijo.

    ResponderExcluir
  20. Meu bb tem 10 meses e tb não sou a favor de dar açúcar. Não adiciono açúcar em nada que ele toma ou come. E ele adora mesmo assim. Já deixei ele chupar um pirulito, um pedacinnho de chocolate, mas foi só...
    Adorei seu blog e estou te seguindo, me segue de volta? Bjs.
    http://matheusmeucoracao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi querida. Amei sei blog.! Tenho uma dúvida; Meu bebê vai fazer onze meses e toma LA quatro vezes ao dia fora as refeições do Almoço,lanche que sempre é fruta ou danone e a janta. Ele.não aceita sólidoa. Somente sopinha.
    Minha dúvida é: O meu leite(LA) Tem cálcio sificiente pra ele ou devo introduzir.LV?
    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!!!
      O leite artifical ou fórmula infantil supre a necessdade de Cálcio, não tem a necessidade de incluir o LV!
      Beijos!!!

      Excluir
  22. Karine, seu post só reforça o que já tinha lido por aí e o que pratiquei por mais de 2 anos com a minha filha - que nunca tomou refrigerante nem experimentou salsicha, para desespero da família que me acha muito radical. Só agora, aos 2 anos e 8 meses, ela experimentou um pirulito, contra minha vontade, que rendeu até um post no meu próprio blog. Mas morro de orgulho em ver como ela come de tudo, ama frutas, dificilmente implica com os verdinhos do prato, e sempre diz "que delícia essa comida da mamãe...". Nem ligo pra quem faz cara feia pra mim, tenho certeza que a maior interessada - minha filha - vai me agradecer um dia. E eu já me sinto realizada por vê-la crescer saudável e comendo de tudo.

    ResponderExcluir
  23. Oi, Karine! O Sustagem faz mal ao bebê? Outro dia fui comprar (pela primeira vez) e desisti quando olhei que o primeiro ingrediente era sacarose! O pediatra passou para ele e ainda disse que se eu quisesse economizar era só comprar o Nescau, porque teria o mesmo efeito. Como assim dar Nescau para um bebê de 10 meses? Ele parou de mamar sozinho há quase dois meses, quando eu engravidei. Meu obstetra disse que o leite fica com o sabor alterado. Sofri mais que ele! Amei seu blog. Grata!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sol!!!

      Você está certa, Sustagem e Nescau não são recomendados para bebês!
      Obrigada pelo carinho!

      Excluir
  24. Adorei o post, o dificil é fazer as outras pessoas entenderem e não darem o tal açúcar escondido. Uma vez não tem problema eu si, mas depois que sabe que com açucar fica melhor, mais resistencia ao alimento sem o açucar.

    A minha bebe ainda não come, mas daqui 15 dias começamos com a alimentação. Meu medo é aos sábados quando vai ficar com a vó que adora falar que eu sou exagerada e que criou 2 filhos fazendo totalmente ao contrario do que eu quero para a minha hehe

    Ainda brinco que a minha Alice vai comer açucar so com 15 anos hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nathassia!
      Aqui você tem uma parceira nessa empreitada de impedir o açúcar o máximo tempo possível rsrsrs.
      Brincadeira à parte, converse com a avó, em tom amigável, a sua postura em relação a alimentação da sua pequena. Firme, mas com doçura!
      Beijos e obrigada pela visita!

      Excluir
  25. Olá,
    acabei de conhecer o seu blog por indicação de uma amiga. E gostaria de saber se há problemas com o Nidex e o Mel Karo?
    Grata desde já,
    Raysa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Raysa
      O Nidex só deve ser indicado para finalidades específicas. E o mel Karo não é indicado!
      Abraços e obrigada pela visita!

      Excluir
  26. Amei o texto, pode compartilhar? Sou a mãe chata porque não quero dar açucar ao meu pobre bebê de 7 meses. Gostaria que entendessem os maléficios do açucar.

    ResponderExcluir
  27. Bom dia Karine!

    Amei o seu blog, comecei a ler e foi difícil parar! Nós mamães temos sede por informação, "boa informação", e o seu blog está repleto!!
    Gostaria de tirar uma dúvida, se puder me ajudar.....
    Minha filha tem seis meses e aos cinco a pediatra liberou suco de laranja lima e papinha de frutas...estou dando maça e banana, só que na banana eu misturo geleia de mocotó natural, tem algum problema?
    Outra coisa, eu posso dar a ela iogurte natural com aveia?

    Att,

    Angélica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Angélica!
      Geleia de mocotó adoçada não é indicada para bebês menores de 2 anos. Iogurte e aveia podem ser dados, mas converse com seu pediatra antes.
      Abraços!

      Excluir
  28. Meu filho está a caminho e curtimos muito essa e outras orientações do Blog!
    Obrigado Karine.

    Abraços,
    Fernanda, Tulio e bebê

    ResponderExcluir
  29. Mas o que fazer ego o bebê se treme todo e faz vômito a cada colherada? Comecei com as frutinhas, a maçã e o mamão foram na boa, mas, a pêra e a banana...foram difíceis...a pêra ela comeu mesmo fazendo vômito, mas,fiquei com pena...a banana ela cospe tudo com cara de nojo. Socorro!!!! Ahh já ia me esquecendo de perguntar: farinha láctea nas frutas pode??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thaís

      Bom, precisaria conhecer seu bebê para responder.. pode ser uma fase, estranhamento inicial.. precisa de paciência..
      Farinha láctea contém muito açúcar, é indicado para maiores de 4 anos.
      Abraços

      Excluir
  30. Karine, tudo bem? Adorei este seu texto e já repassei para uma amiga, afinal a minha área da nutrição não é voltada para criança. Beijos. Melina Aniquini

    ResponderExcluir
  31. Olá. . . Eu já tinha escutado falar sobre isso, mas nunca dessa forma tão convincente! Não dava muita importância. ...mas agora vou me vigiar mais e as pessoas ao redor também (que eh mais difícil ). Eu tenho um bb de 5 meses e ele começou a comer outras alimentos agora e eu já estava acostumamdo ele com açúcar. ..

    E quanto ao sal?

    Obrigada pela informação. ...bjus

    Susan Santos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Susan!
      O sal, quanto menos melhor. Melhor não adicionar às papinhas.
      Beijos

      Excluir
  32. Fracassei em não dar doces para o bebê... Meu bebê tem 1 e 2 meses e nunca aceitava nada para comer... no desespero de ativar o paladar do pequeno acabei oferecendo doces. Não aceitava mesmo assim, agora... parece que está tomando gosto. Achei que ia abrir a porta para comer outras coisas mas não sei se vai funcionar... ele ainda gosta mesmo é de mamar LM!

    ResponderExcluir
  33. Oi, sobre esta história de dar alimentos adoçados, passei por uma situação semana passada, minha filha de 3 anos se sentou ao lado de uma outra menina que estava comendo bolacha recheada, até então ela desconhecia de que se tratava, ela focou olhando e ganhou uma bolachinha, depois da primeira ela ficou desesperada e comeu quase todo o pacote, agora que ela sabe que existe vez ou outra ela pede.

    ResponderExcluir
  34. Ola me filho so comecou a comer acucar agora com 2 anos nos sucos. Qual o mais indicando?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lorena!
      Se puder, não adoce o suco do seu filho, deixe-o aproveitando o sabor natural da fruta...
      Beijos e boa sorte

      Excluir
  35. Nossa, adorei esse blog. Tudo!!!
    Karine, meu bebê tem 5 meses e duas semanas, começou na creche hoje. Desde os 3 meses e meio que comecei a introdução de alimentos, primeiros sucos e frutos, depois que passei par a papinha salgada, mas continuou mamando no peito. Confesso que não segui uma rotina certinha desde então. Sendo que eu me vi desesperada co. Ele lá, pois queria o peito. O horário dele é das 10h às 18h30. Você poderia me orientar numa rotina alimentar para seguir com ele? Estou com medo dele perder peso, passar o diz sem comer, sei lá. Me ajuda, por favor.
    Grata desde já.
    Jeane.

    ResponderExcluir
  36. Adorei suas postagens!! Meu marido e eu estamos assim, enfrentando muitas críticas e caras feias por causa da alimentação da nossa filha. E olha que nem sou tão radical assim. Mas o sal nas papinhas- quase não uso- e açucar usamos muito pouco- doces, balas, pirulitos ela nem sabe o que são. Agora, nos mingaus é que não consigo... o que posso usar de mais saudável para os mingaus?

    ResponderExcluir
  37. Ôlá,
    Tenho um filho de 4 meses e por voltar ao trabalho, no período da madrugada, preciso dar LA, mas ele não está aceitando, só dormindo.Sempre tomou exclusivamente leite materno. A ultima mamada com LM é por volta das 19hs ou 22hs e estou dando Aptamil 1. Tem alguma outra indicação? Preciso desse retorno urgente.
    Grata
    Brunna

    ResponderExcluir
  38. Outra pergunta:
    Meu filho tem 4 meses e 5 dias.
    Durante o dia , duas vezes na semana ele ficará com a avó.
    Posso liberar suco pra ele?
    Banana amassada?
    Abraço
    Brunna

    ResponderExcluir
  39. Ola queria saber quais os iogurtes que contem probióticos lactobacilos e que realmente funcionam, que não ficam apenas no intestino.

    Luciana

    ResponderExcluir
  40. Li seu posto e já ví vários sobre esse assunto, mas ontem levei minha baby na pediatra e como ela completou 6 meses liberou as papinhas salgadas e suco. Na orientação que ela me deu tem pra adoçar o suco ela tem refluxo e só pode algumas frutas ai fiquei em dúvida coloco ou não açúcar?

    ResponderExcluir
  41. Olá Karine,
    Boa tarde!
    Me chamo Carla e fui apresentada ao seu blog essa semana. Estou adorando seus posts e dicas! Não sou mãe ainda, mas tenho dois sobrinhos que são os amores da minha vida e e preocupo bastante com a saúde desses pequenos.
    Há dois anos atrás dei início a um processo de reeducação alimentar, onde eu perdi 11.5kg de pura gordura. Abracei esse estilo de vida mais saudável e não quero largar nunca mais. Criei um blog para compartilhar minhas experiências e aventuras nesse mundo mais saudável e gostaria de compartilhar essa sua matéria sobre o açúcar na infância no meu blog (www.nutrizes.com) se você não se importar, pe claro!
    Obrigada e lhe desejo muito sucesso!
    Abraços,
    Carla

    ResponderExcluir
  42. Estou admirada com tantas informacoes importante para as maes, muito obrigada.

    ResponderExcluir
  43. Adorei a postagem, muito importante e esclarecedora. Tenho dois filhos(meninos) um já com 8anos e o outro com apenas 9meses então acredito que são nescessidades nutritivas diferenciadas que cada um deles precisa e assim como qquer mãe fico em dúvidas de como montar o cardápio alimentar nutritivo diferenciado para cada um deles e/ou se estou dando tudo q precisam como fazer eles aceitarem mais facilmente as saladas(principalmente o mais velho essa questão da salada pois o pequenininho ainda ta aceitando tudo) entre outras dúvidas do dia-a-dia.

    ResponderExcluir
  44. Adorei a postagem, muito importante e esclarecedora. Tenho dois filhos(meninos) um já com 8anos e o outro com apenas 9meses então acredito que são nescessidades nutritivas diferenciadas que cada um deles precisa e assim como qquer mãe fico em dúvidas de como montar o cardápio alimentar nutritivo diferenciado para cada um deles e/ou se estou dando tudo q precisam como fazer eles aceitarem mais facilmente as saladas(principalmente o mais velho essa questão da salada pois o pequenininho ainda ta aceitando tudo) entre outras dúvidas do dia-a-dia.

    ResponderExcluir
  45. Adorando td! Sou super a favor da restrição do açúcar. Minha filha de 1a e 7m se ingeriu açúcar alguma vez não foi eu quem deu e foi sem minha autorização!

    ResponderExcluir
  46. Ola Karine! Conheci seu blog ontem e não consigo parar de ler. Ele é maraaaa!! Parabéns. Gostaria de saber se são contra-indicados os chás para bebês. meu filho tem 6 meses e meio e as vezes dou chá de camomila batido com pera ou de erva doce com maçã. Não uso açúcar branco em nada, porém no chá que é mais amargo coloco um pouquinho de açúcar mascavo. Este açúcar, pode ser usado? E a stévia em pó? A frutose? Desde já agradeço a atenção, bjins

    ResponderExcluir
  47. Ola Karine! Conheci seu blog ontem e não consigo parar de ler. Ele é maraaaa!! Parabéns. Gostaria de saber se são contra-indicados os chás para bebês. meu filho tem 6 meses e meio e as vezes dou chá de camomila batido com pera ou de erva doce com maçã. Não uso açúcar branco em nada, porém no chá que é mais amargo coloco um pouquinho de açúcar mascavo. Este açúcar, pode ser usado? E a stévia em pó? A frutose? Desde já agradeço a atenção, bjins

    ResponderExcluir

Comente! A nutri adora conversar!