Pular para o conteúdo principal

Receita hamburguinho do SBT

Olá pessoal!

Ontem, participei e uma reportagem sobre alimentação saudável para criança, lá no SBT. Fiz uma receitinha de hambúrguer de carne com legumes que fica bem suculento, as crianças costumam gostar bastante!

Pra quem quiser ver, olha o vídeo aqui:


Na receita tem abobrinha (que contém as vitaminas do complexo B, vitamina C, cálcio, magnésio, fósforo, potássio e fibras); cenoura (rica em vitamina A, que participa do processo de divisão celular- muito importante pra saúde da criança, por conta  em fase de crescimento) e aveia (que contém fibras, vitaminas do complexo B e zinco, este último fundamental para um bom crescimento e desenvolvimento cerebral).

Vamos a receita:

Ingredientes:

400gr de carne moída magra - usei patinho
4 ou 5 colheres de sopa de aveia em flocos
1/4 de uma abobrinha grande, ralada
1/2 cenoura, ralada
1 ovo caipira batido
azeite para untar a forma
tempero a gosto: usei alho e cebola batidos e um pouco de sal no momento de grelhar

Misturei todos os ingredientes com as mãos -menos o sal. A "massa" fica bem úmida. Formei os hamburguinhos. Esquentei uma frigideira no fogo, coloquei um fio de azeite, e espalhei com um pincel culinário (um ótimo truque para utilizar menos gordura no preparo dos alimentos, vale a pena adquirir um). Dá pra congelar algumas porções nessa fase. Coloquei para grelhar, e temperei com o sal por cima. Esperei ficar douradinho, para então servir!



Aqui, além do hamburguinho, tem uma couve-flor empanada no forno que fica uma delícia também, mas essa receita fica para um próximo post! Essa receita pode ser feita para crianças acima de um ano, o hamburguinho se desmancha facilmente, é bom molinho!

Grande beijo pessoal!


Comentários

  1. Nossa Karine é bem fácinho de fazer...
    Adorei vou fazer aqui em casa para todos. Beijos

    ResponderExcluir
  2. Adorei! Aqui em casa faço todo dia essas comidas com carinhas... a Lara já fica esperando qual vai ser a novidade. Bjokas. Andrea e Lara. http://coisas-da-lara.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Adorei o seu blog Karine....vou seguir ...muitas dicas legais...bjus

    ResponderExcluir
  4. Faltou liga no meu... Mas ficou uma delicia!! Super molhadinho!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Érica, se colocar um pouquinho mais de aveia, facilita a liga! Muitos beijos!

      Excluir
  5. Muito boa a receita karine, parabéns!!! Me ajudou muitao...

    ResponderExcluir
  6. No site bebe.com.br tem Cardápios para bebês com mais de 1 ano elaborados pela senhora.o hamburguer de atum com aveia que a senhora sugere la pode ser feito desta mesma maneira? Que tipo de atum,o fresco?

    Juliana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Juliana!
      Pode-se utilizar o fresco, é sempre melhor, mas pode-se utilizar o enlatado também.
      Abraços

      Excluir
  7. Olá, uma dúvida sobre o congelamento. .... pode ser feito assim que modelar os hambúrgueres ou eles precisam ter ido ao fogo? Obgda
    LÍVIA

    ResponderExcluir
  8. Olá,
    sou mãe de um menino com alergias alimentares múltiplas (APLV, ovo, milho confirmados e outras alimentos a serem testados novamente), de 3 anos e cheguei ao blog procurando receitas de alimentos de festa que ele possa comer e gostei desta receita, mas não posso usar o ovo. Há algum alimento que possa substituir o ovo nessa receita, garantindo a textura?
    Obrigada!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente! A nutri adora conversar!

Pots mais lidos

Intolerância a lactose em bebês? Provavelmente não!

Com certeza você já leu na web a palavra lactose. Dieta sem lactose. Iogurte sem lactose. Mas o que é lactose? Seria bom tirar das crianças também?
Lactose é um dos carboidratos do leite. A grosso modo, um açúcar presente em leites. 
Leite materno, por exemplo, tem muita, muita lactose.
Nosso corpo, para digerir esse açúcar, usa enzimas que estão presentes no nosso organismo. Essas enzimas moram nas vilosidades intestinais. Vou mostrar:



Quando um bebê está tranquilo, vivendo a vida bebelística, a lactose é uma benção pra ele. É sim. Lactose, quando é “quebrada” pela enzima, vira galactose e ajuda constituição de galactopeptídeos integrantes do sistema nervoso central. Ela também ajuda a acumular água livre para reserva de termo-regulação, através da sudorese. Já viu como bebês suam?
A lactose também está associada à acidez das fezes e à formação da microbiota intestinal específica (predominância de lactobacillo e bifidobacteria, probióticos, o must da saúde atualmente), o que pode ser imp…

Iogurte na alimentação das crianças

Bom dia pessoal!
Vou seguir uma indicação de uma leitora querida, Alethéia, e escrever sobre iogurte na alimentação das nossas crianças.
Eu sou superfã deste alimento! Rico em Cálcio (sempre estimulo consumo de alimentos ricos  neste micronutriente pois nossa população está bem carente....), tem a lactose (açúcar do leite) fermentada e por isso é de fácil digestão, rico em probióticos, as tais bactérias benéficas que equilibram nossa flora intestinal, fortalece o sistema imunológico e facilita o trânsito intestinal, entre outros benefícios.  O iogurte pode ser incluido na alimentação do bebê após o início da alimentação complementar, isso é, com 6 a 7 meses aproximadamente. Com algumas ressalvas e detalhes.
Detalhe número 1: O iogurte para dar para o bebê, necessariamente tem que ser natural e sem açúcar. Os petit suisses vendidos no mercados contém corantes, aromatizantes e conservantes, substâncias estranhas ao nosso organismo (nós nutricionistas chamamos estas substâncias de xenobiótic…

Alimentação para maiores de 1 ano!

Eba! Chegou o tão esperado aniversário de 1 ano do bebê. Depois da correria da festa, voltamos ao dia-a-dia do bebê. Com uma nova dúvida. E a alimentação? Aí, passamos no pediatra, e ele indica: agora mãe, ele deve comer a alimentação família. A mãe comemora (ou não). Não precisa mais fazer papinhas... Aí eu entro: alimentação da família? Tenho medo dessa frase... prefiro dizer que agora a família vai comer a alimentação do bebê com a textura adaptada! Sabe porquê? Como é a alimentação dos adultos em casa? Você, mãe zelosa, vinha fazendo a alimentação perfeitinha, com todos os grupos alimentares e tal...como passou do primeiro ano, só arroz, feijão e carne é suficiente? Calma! Nada contra o arroz e o feijão, pelo contrário. Dupla fantástica, garante um prato quase completo. Lembra desse post? Quase completo por que o legume e/ou a verdurinha precisa acompanhar o prato. Como faziam na época da papinha. Portanto, a alimentação continuará com todos os grupos alimentares... fonte de carboidra…